(pommes de terre á l’Algrvie)

Torneiam-se as batatas dando-lhes a forma aproximada de um ovo de perua. Em seguida, espeta-se no centro de uma das extremidades de uma máquina apropriada, que tem uma rosca e uma lâmina (vende-se nas boas lojas de ferragens), rodando com a máquina sempre á volta, até cortar a batata. Na falta de máquina para preparar esta batata, faça-se o seguinte: espete-se uma agulha grossa de empernar a criação numa das extremidades da batata, perfurando-lhe o centro de lado a lado. Corta-se então a batata em toda a volta, até encostar á agulha, sem que se retire a faca e, quando terminada esta operação, retire-se-lhe a agulha e lavem-se as batatas.

Fritam-se em azeite ou banha, em abundância, dando, depois de prontas a ideia de uma concertina.

http://www.raulvalente.pt/batatas/batatas-a-algarvia/

Raul Valente

últimos Artigos

A ORIGEM DA RESTAURAÇÃO

Restauração
http://pro-thor.com/wp-content/uploads/ahistriadarestaurao.docx [...]
Yvanilde Soares

ACCESSIBILITE DES HOTELS

Hotelaria, Restauração
http://pro-thor.com/wp-content/uploads/ACCESSIBILITE_DES_HOTELS.pdf [...]
Adilson Barros

hospedagem no Brasil e no mundo

Hotelaria
http://pro-thor.com/wp-content/uploads/Hotelaria_Aula_01.pdf [...]
Marcelo Góis

HOTEL TYPES – pictures

Hotelaria
http://pro-thor.com/wp-content/uploads/Hotel-Types-PICTURES.docx [...]
Marcelo Góis

HOTEL TYPES

Hotelaria
http://pro-thor.com/wp-content/uploads/HOTEL-TYPES.docx [...]
Marcelo Góis

História do Bar

Hotelaria, Restauração
http://pro-thor.com/wp-content/uploads/histriadobar.docx [...]
Adilson Barros

História do Carnaval

História, Outros
http://pro-thor.com/wp-content/uploads/HISTORIA-DEL-CARNAVAL.pptx [...]
Ivo Alves

O TURISMO ATRAVÉS DOS TEMPOS

História, Turismo
http://pro-thor.com/wp-content/uploads/hist-turismo.doc [...]
Unknown

geral@pro-thor.com | Pro-Thor © 2015-2017 | Todos os direitos reservados.